quedas_de_kalandula_bs_original.jpg
Comunidade Angolana na Baviera e.V
lcab007_bs_original.png
© Copyright 2007 cab e.V -Todos os direitos reservados
AngolaPágina principalNew PageConfirma-nosCriteriosRegisto 06/2016Agr. do registoQuem sómosAngolaBiéCabindaC-CubangoCuneneHuamboHuílaK-NorteKwanza-SulLuandaLunda-NorteLunda-SulMalangeMoxicoNamibeUígeZaireAngola-RFABenguelaBengoSua músicaActasOutubroNetzwerk munikActualidadeSetembro-2013Novembro-aulasjuventude de MDezembroTrabalho de CamboJaneiroFevereiroMarçoActa da ReuniãoAbrilMaioEleições do Pr SGImagensJunhoJulhoAgostoComunidadeC-RepresentantesBernardo NdombeleNDombeleActas do CRNovembro-08EstatutosEstatutos CopyNew PageEstatutos da CAB e.VActividadesCandidatosEventos12 Anos de Existencia 2019Angola - Culináriaprato típico de AngolaVisita ConsularActualidade NewsComunicado Consular Maio 2016.DesportonovoComentárioNew PageHeute-hojeHeute- hoje 10/16ComunicadoRelatórioNotíciasCAB e.VAngonotíciasHistóriaimagemAngonoticiasCronologiasCronologia-FrankfurtVoz da AméricaRDP-ÁfricaLusofoniaS-ExecutivoArlete AugustoEdno de SousaAntonio Amadeu Oliveira MussaNew PageNew Page Marisa JoãoPaulina kassaMateus CristovãoPedro TecaGaleria de fotosVideo ClipTucokweAugsburgFreisingNürnbergRosenheimWürzburgRepresentaçõesAugsburgFreisingRengesburgNürnbergRosenheimWürzburgEngresse-teComentáriosWebmailCandidaturasNewsContactoAlemãoÜber unsEmailImpresseumweiter KontFausto CumbicoBernaedo DomingosBarnabe da CostaPaulo JoseBernardo NdombeleNew PageAktivitätenSport8 jährig BestehenkonsulatNachrichtenAkteAugustNeue SeiteGästebuch
ao_bs_original.png germany-2_bs_original.png
da_bs_original.jpg dr_bs_original.jpg
Dúpla nacionalidade Angolana/Alemã
AngolaPágina principalNew PageConfirma-nosCriteriosRegisto 06/2016Agr. do registoQuem sómosAngolaBiéCabindaC-CubangoCuneneHuamboHuílaK-NorteKwanza-SulLuandaLunda-NorteLunda-SulMalangeMoxicoNamibeUígeZaireAngola-RFABenguelaBengoSua músicaActasOutubroNetzwerk munikActualidadeSetembro-2013Novembro-aulasjuventude de MDezembroTrabalho de CamboJaneiroFevereiroMarçoActa da ReuniãoAbrilMaioEleições do Pr SGImagensJunhoJulhoAgostoComunidadeC-RepresentantesBernardo NdombeleNDombeleActas do CRNovembro-08EstatutosEstatutos CopyNew PageEstatutos da CAB e.VActividadesCandidatosEventos12 Anos de Existencia 2019Angola - Culináriaprato típico de AngolaVisita ConsularActualidade NewsComunicado Consular Maio 2016.DesportonovoComentárioNew PageHeute-hojeHeute- hoje 10/16ComunicadoRelatórioNotíciasCAB e.VAngonotíciasHistóriaimagemAngonoticiasCronologiasCronologia-FrankfurtVoz da AméricaRDP-ÁfricaLusofoniaS-ExecutivoArlete AugustoEdno de SousaAntonio Amadeu Oliveira MussaNew PageNew Page Marisa JoãoPaulina kassaMateus CristovãoPedro TecaGaleria de fotosVideo ClipTucokweAugsburgFreisingNürnbergRosenheimWürzburgRepresentaçõesAugsburgFreisingRengesburgNürnbergRosenheimWürzburgEngresse-teComentáriosWebmailCandidaturasNewsContactoAlemãoÜber unsEmailImpresseumweiter KontFausto CumbicoBernaedo DomingosBarnabe da CostaPaulo JoseBernardo NdombeleNew PageAktivitätenSport8 jährig BestehenkonsulatNachrichtenAkteAugustNeue SeiteGästebuch
                  Sra. Balbina Malheiros Dias da Silva. 
A nova Embaixadora de Angola na República Federal da Alemanha. 
Desejamos-la as boas vindas, e a CAB( Comunidade angolana na Baviera) está disponivel para dar o seu apoio no que for necessario.

Schreiben Sie Ihren Text hier
NGWJE3852
www.lusa.pt

Berlim, Alemanha, 24 mai 2020 (Lusa) – O presidente do Eurogrupo, Mário Centeno, considera o plano do presidente francês Emmanuel Macron e da chanceler alemã Angela Merkel para reativar a economia um passo importante com vista à união fiscal e a uma efetiva união monetária.
“A proposta franco-alemã seria um grande passo com vista a uma união fiscal e a uma união monetária que funcione verdadeiramente, ainda que o plano do fundo de reconstrução [na sequência da crise gerada pela pandemia de covid-19] seja limitado no tempo”, afirmou Centeno numa entrevista ao jornal alemão ‘Welt am Sonntag’.
Ainda assim, Centeno advertiu que as negociações no Conselho Europeu “não serão fáceis”.
Merkel e Macron propuseram a criação de um fundo de 500.000 milhões de euros para apoiar a reconstrução económica dos países mais afetados pela pandemia.
O fundo seria financiado através de títulos de dívida emitidos pela Comissão Europeia e garantidos pelos países membros da União Europeia, de acordo com o peso percentual das respetivas economias no produto interno bruto (PIB) europeu, recebendo os países beneficiários ajudas não reembolsáveis desse fundo.
“A proposta de Merkel e de Macron é uma boa notícia para a Europa. O plano é um passo considerável na direção correta para superar esta crise”, afirmou Centeno.
Para o presidente do Eurogrupo, seria desejável que se chegasse a acordo antes do verão relativamente aos elementos chave de um programa de conjuntura europeu e às linhas mestras do fundo de reconstrução.
A proposta franco-alemã enfrenta, contudo, a oposição da Áustria, Dinamarca, Holanda e Suécia, que formularam um plano alternativo que prevê créditos com juros reduzidos, mas não contempla subvenções.
Para o chanceler austríaco, Sebastian Kurz, o fundo tem de estar limitado a dois anos para que consista efetivamente em ajudas imediatas contra a crise gerada pelo coronavírus e não se converta num instrumento de mutualização de dívida a longo prazo.
Em declarações ao diário ‘Passauer Presse’, o chefe do grupo parlamentar do Partido Popular Europeu (PPE) no Parlamento Europeu (PE), Manfred Weber, mostrou-se otimista quanto à possibilidade de chegada a um acordo.
Segundo Weber, Sebastian Kurz não questiona o fundo, mas apenas alguns aspetos do seu funcionamento, havendo ainda questões pendentes cuja solução requer “muita habilidade diplomática e capacidade de chegar a compromissos”.
A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 342 mil mortos e infetou mais de 5,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios.
Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano passou a ser o que tem mais casos confirmados (mais de 2,4 milhões, contra dois milhões no continente europeu), embora com menos mortes (mais de 142 mil, contra mais de 173 mil).
Para combater a pandemia, os governos mandaram para casa 4,5 mil milhões de pessoas (mais de metade da população do planeta), paralisando setores inteiros da economia mundial, num “grande confinamento” que vários países já começaram a aliviar face à diminuição dos novos contágios.
2020.05.24
REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA

SECRETARIADO PARA INFORMAÇÃO E MARKETING

A COMUNIDADE ANGOLANA NA BAVIERA,  REGISTOU COM PROFUNDA DOR, O DESAPARECIMENTO FÍSICO DO NOSSO IRMÃO LUIS MIGUEL, CONHECIDO  POR  MUITOS  COMO DR.LUIS,  DE 53  ANOS  DE  IDADE, OCORRIDO NO DIA 07.04.2020 POR MOTIVO DE DOENÇA (COVID-19) NO HOSPITAL  DE SCHWABINGER EM MUNIQUE. O MALOGRADO  DEIXOU VIÚVA E 3 FILHOS, AMBOS RESIDENTES EM MUNIQUE.

ATUALMENTE A CAB NÃO VOLTOU A REGISTAR CASOS POSITIVOS DE CIDADÃOS ANGOLANOS, OU FATALIDADES PELO NOVO CORONAVIRUS.

ASSIM SENDO; A  DIREÇÃO DESTA COMUNIDADE PEDE A TODAS FAMILIAS ANGOLANOS E NÃO SÓ, PARA CONTINUAREM COM OS CUIDADOS DE PREVENSÃO PARA A PROTEÇÃO CONTRA O INIMIGO INVISÍVEL, O CORONAVIRUS.

O SECRETARIADO DA (CAB) COMUNIDADE ANGOLANA NA BAVIERA:


MUNIQUEQUE, AOS 24 DE MAIO DE 2020